sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Minha primeira horta em casa - Garrafa Pet / 2ª parte

QUERO TER UMA HORTA ORGÂNICA 

#VIDAMAISSAUDÁVEL #JUDIY




Ficou fantástica...e muito linda essa hortinha. Já estou com planos para aumentá-la.

E para quem tem uma janela ensolarada, ao invés de usar cortinas que se enchem de poeira, porque não uma horta? Vai filtrar esses raios solares e ainda retribuirá com delícias para você colher. Além dos benefícios, ainda irá reciclar várias garrafas pet. Não é de mais?


Vou mostrar passo a passo como estamos estruturando minha varanda para comermos dela. Esse é o conceito, comer de minha varanda. Explico melhor essa ideia e como tudo começou neste post o início. Além da 1ª Parte também.

O objetivo é fazer um projeto simples e acessível para todos, mas que fique bonito também. E, apenas com as garrafas encaixadas umas nas outras, você poupa tempo e água. O que exceder de água na garrafa acima, escorre para a de baixo.


Horta feita de Garrafas Pet

Materiais que precisei comprar:

3   Ganchos 3/16"                    (R$ 0,50 cada = R$ 1,50)
1   Barra roscada 3/16"        (R$ 2,95 já vem com 1 metro) usei a sobra da horta de cano PVC
6   Porcas sextavada 3/16"    (R$ 0,11 cada = R$ 0,66)
1,50m Corrente 1/8" ou 3mm  (R$ 6,50 cada = R$ 9,75)

Gastei R$ 12,00 no total por causa da corrente. Se você usar o arame galvanizado, sai baratinho. Aqui custa R$ 8,00 kg. É muito arame.



Materiais que reciclei:

15 garrafas Pet  (para cada coluna usei 5 garrafas - 4 para horta e 1 para funil)
Pedaço de isopor
Panos velhos

Ferramentas que utilizei nesse projeto:

Broca para madeira 5mm para fixar os ganchos na minha varanda.
Serra Copo 25mm para fazer os buracos no fundo das garrafas.
Primer (opcional) Cinza da Colorgin. Eu já tinha. 
Tinta (opcional) cor Verde Mata da Colorgin - pintei as correntes
Tinta (opcional) cor Branco Fosco da Colorgin - pintei sobre o Prime as garrafas. 


Assista ao vídeo e entenda todo o processo ou lia, mais abaixo, todo o passo a passo.




Vamos por a mão na massa - passo a passo.


1 - Todas as tampas deverão ser furadas para que a água em excesso passe de uma garrafa para a outra. A tampa do funil, apenas um furo.

2 -  O fundo das garrafas foram furados no tamanho das bocas. É por alí que a estrutura será montada. Precisei lixar mais esse furo, tente usar uma serra um pouquinho maior.

3 - Faça duas aberturas nas garrafas para a entrada das plantas e para dar espaço para se desenvolverem. 

4 - Além de ficar mais bonitinho e esconder os vasinhos, a pintura aqui teve um motivo, refletir o sol e não esquentar tanto os vasinhos. Mas você pode plantar direto na garrafa. O Prime foi apenas para fixar melhor a tinha no Pet.

5 - Para drenagem, eu fiz como se fosse plantar direto nas garrafas. Coloquei isopor (falo o porquê aqui) e um paninho velho. Ele impedirá que terra vá para o fundo da garrafa e entupa os furinhos da tampa.

6 - Use as tampas como porcas para prender uma garrafa sobre a outra. Usei quarto para criar nossa estrutura.

7 -  coluna é sustentada por correntes, fixadas a primeira garrafa da coluna, presa a um gancho. 

8 - Na parte de baixo, ao invés de colocar uma garrafa fechada para coletar a sobra da água, eu coloquei vasos de plantas.

9 - Usei mudas nos vasinhos para facilitar a troca de posição das plantas, caso haja necessidade.


Tomara que eu tenha conseguido te animar. Mesmo sem dinheiro, sem espaço ou sem quintal é possível ter uns temperinhos em casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário